terça-feira, 20 de maio de 2014

Poesia - Incubus



Incubus

Viagens constantes
em um interior obsesso,
ortodoxas e errantes
por pensamento possesso.

De matizes e luzes
e diáfanas aparições
universos sombrios
e luxuriantes inversões.

De excitação se tomam
qual acácia exuberante
e o tolo particípio
já se prende consoante.

A poderosos ardis
qual estupenda carme
em melindres fanáticos
sublimação da carne.

Marie Jo em 26 de Outubro de 2000.

Nenhum comentário: